Projeto Assistencial Atendimento de Radioterapia
Hospital Sírio-Libanês

Projeto Assistencial Atendimento de Radioterapia
Radioterapia
2018-2020

Projeto Assistencial Atendimento de Radioterapia
Resumo
Em virtude da alta demanda por radioterapia no Distrito Federal, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) buscou alternativas para aumentar a disponibilidade aos pacientes da localidade. Para isso estabeleceu parceria com o Hospital Sírio-Libanês, que dispõe de estrutura física, equipamentos e recursos humanos na cidade de Brasília/DF para realização deste procedimento.
Nesse sentido, o projeto assistencial atendimento de radioterapia construiu uma rede de colaboração entre a SES/DF e o Sírio-Libanês, por meio da realização de radioterapia em pacientes com diagnósticos e indicações comprovadas, encaminhados pela Central de Regulação de Consultas e Exames. Dessa forma, permite a chegada dos pacientes em tempo hábil, contribuindo para o aumento da taxa de cura e qualidade de vida aos portadores de câncer.
Neste projeto são atendidos pacientes com diagnóstico estabelecido de câncer de mama, câncer de próstata e SNC (Sistema Nervoso Central). Os casos são diagnosticados nos seus locais de origem e a central de regulação faz contato com o serviço do Sírio-Libanês que disponibiliza datas e horários da agenda médica para marcação dos pacientes.

Os pacientes são atendidos em consulta ambulatorial por médicos radioterapeutas para avaliação e indicação do tratamento. Se confirmada a indicação de radioterapia nesta consulta, o paciente é encaminhado para planejamento e tratamento específico, que será realizado nas dependências da Unidade do Sírio-Libanês em Brasília.
Durante o tratamento os pacientes são avaliados semanalmente pelo médico responsável e equipe de enfermagem, e em caso específicos cuidados da equipe multidisciplinar (Nutricionista, Psicólogo).
Ao término do tratamento o paciente passa por consulta médica para avaliação de alta, sendo reencaminhado à sua unidade de atendimento, com relatório detalhado sobre a radioterapia realizada. 


Introdução

A assistência aos portadores de doenças oncológicas inclui, entre outros recursos terapêuticos, a radioterapia, com alta taxa de cura para casos diagnosticados precocemente e cuja indicação médica seja precisa. A oferta de recursos para essa finalidade do Distrito Federal é, neste momento insuficiente para atender a demanda, o que levou a SES/DF a buscar novas alternativas para propiciar aumento da disponibilidade aos pacientes nesta área. O Hospital Sírio Libanês tem como um dos seus objetivos estratégicos apoiar políticas públicas na área da saúde e dispõe de estrutura física, equipamentos e recursos humanos na cidade de Brasilia/DF para realização de radioterapia. O projeto assistencial atendimento de radioterapia pretende manter uma rede de colaboração ente a SES/DF e o HSL, por meio da realização de radioterapia nos pacientes com diagnósticos e indicações comprovadas, e que forem encaminhados pela Central de Regulação de Consultas e Exames da SES/DF, com isso em tempo hábil contribui para o aumento da taxa de cura e qualidade de vida aos portadores de câncer.



Métodos
Neste projeto serão atendidos pacientes, mulheres e homens, com diagnóstico estabelecido de câncer de mama, câncer de próstata e SNC (Sistema Nervoso Central) provenientes da SES/DF cuja população poderá ser atendida pelo projeto.
Em primeiro momento, os casos serão diagnosticados nos seus locais de origem. Em seguida, a central de regulação   fará contato com o serviço do Hospital Sírio-Libanês que disponibilizará datas e horários da agenda médica para marcação dos pacientes com do dia e horário da consulta, munidos de histórico clínico, exames de imagens atualizados e de um acompanhante.
Os pacientes serão atendidos em consulta ambulatorial na Unidade do Sírio-libanês em Brasília localizado na SGAS 613 Sul, por médicos radioterapeutas para avaliação e indicação do tratamento, se confirmado a indicação de radioterapia nesta consulta será definido a técnica e o número de sessões determinados referente ao diagnostico.    
O tratamento será realizado no setor da radioterapia nas mesmas dependências da Unidade do Sírio-Libanês em Brasília, executadas por profissionais da equipe assistencial (Físicos, Biomédicos Enfermeiros, Técnicos de Enfermagem e Técnicos em Radioterapia) com apoio da equipe administrativa.      
Durante o tratamento os pacientes serão avaliados semanalmente pelo médico responsável e equipe de enfermagem, e em caso específicos cuidados da equipe multidisciplinar (Nutricionista, Psicólogo).
Após término do tratamento paciente passará por consulta médica para avaliação de alta e serão reencaminhados para sua unidade de atendimento com relatório detalhado sobre a radioterapia realizada.


Resultados
No período de 1º de janeiro de 2018 a maio de 2019, 412 pacientes do Programa PROADI-SUS foram atendidos no Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês de Brasília. Dos pacientes atendidos somente em 2018, 147 pacientes apresentavam neoplasia de próstata, 100 neoplasia de mama, 50 neoplasia cerebral, 27 foram encaminhados para tratar metástases diversas e 21 foram encaminhados com tumores em outros sítios. Após avaliação médica, o tratamento de radioterapia foi indicado e concluído em 275 pacientes. Nesse mesmo período, foram realizadas 5,249 aplicações de radioterapia. Dessa forma, foi possível realizar o tratamento de radioterapia com técnicas modernas e reduzir a fila dos pacientes do SUS no Distrito Federal.


Liderança
Rafael Gadia 
http://lattes.cnpq.br/4256225694490714


Equipe

RADIOTERAPEUTAS:

Daniel Moore Freitas Palhares
http://lattes.cnpq.br/6755522849708268

Eronides Salustiano Batalha Filho
http://lattes.cnpq.br/4393896560652958

Gabriela Silva Moreira de Siqueira
http://lattes.cnpq.br/056538803737896

FÍSICOS MÉDICOS:

João Paulo Silva Leite

Geovani Pires Pena

José Eduardo Vaz Nascimento

ENFERMEIRAS:
Larissa Felix de Moura
Carolina Ribeiro Camargo
Lúcia Ana Vieira



Colaboração
Secretaria de Saúde do Distrito Federal

Área Técnica
Secretaria de Saúde do Distrito Federal
Secretaria de Atenção à Saúde (SAS)
Ministério da Saúde

INDICADORES

CONHEÇA OUTROS PROJETOS
Processando